Outriders é um RPG/Shooter que pode surpreender!

Anunciado oficialmente durante a E3 2019, Outriders não teve um início muito favorável, já que algumas comparações com jogos como The Division e Destiny acabaram tendo um impacto bastante negativo. Contudo, à medida que novos materiais foram sendo liberados, o game começou a “ganhar espaço”.

Aliás, em reposta às comparações, a People Can Fly, empresa responsável pelo título, fez questão de ressaltar que, ao contrário de The Division e Destiny, Outriders não é um “game/serviço”. Isto é, o jogo tem um início e um fim, sendo uma experiência de jogatina bem diferente.

Bem, o fato é que as últimas revelações relacionadas a Outriders conseguiram aumentar as expectativas de muitos players em relação ao game. Por conta disso, resolvi criar este pequeno preview. Desse modo, você poderá ter uma noção mais clara de tudo que esse RPG/Shooter promete… vamos conferir?

Outriders

Outriders: o Resumo da Obra

Previsto para ser lançado no fim de 2020, Outriders é classificado como um shooter de terceira pessoa que exibe uma grande quantidade de elementos de RPG.

Em outras palavras, podemos dizer que o jogo segue a fórmula que foi aplicada de maneira muito bem-sucedida em games como Borderlands e The Outer Worlds, só que sob uma perspectiva diferenciada.

O jogo apresenta uma “pegada” sci-fi bem interessante e sua trama gira em torno dos esforços da humanidade para colonizar um planeta alienígena chamado Enoch.

Nesse planeta, uma força estranha conhecida como “The Anomaly” é descoberta e passa a ser apontada como a esperança da humanidade, já que ela confere superpoderes a todos os seres que entram em sua área de atuação.

Logicamente, é essa força estranha que dá aos personagens os poderes para superarem os grandes perigos que estão à espreita no planeta Enoch.

Além dessa interessante premissa, o jogo dará enorme ênfase ao gameplay cooperativo e seus elementos de “role-playing” prometem proporcionar um alto nível de imersão.

Como não poderia deixar de ser, o visual da aventura terá enorme impacto na ambientação e, certamente, dará muitos motivos para os players explorarem cada canto dos cenários.

Resumindo, Outriders é um RPG/Shooter que tem uma ideia básica muito sólida, um sistema de classes interessante e sistemas de combates capazes de garantir boas horas de um gameplay muito satisfatório.

Destaques de Outriders

Agora que você já tem uma ideia geral daquilo que Outriders tem a oferecer, podemos nos aprofundar um pouco mais nos destaques do título. Cabe lembrar que esses destaques são aqueles que mais me chamaram a atenção, após analisar as prévias do game. Acompanhe…

Premissa e Cenários

Conforme eu destaquei no meu resumo, a premissa de Outriders é bastante  atrativa e atua de forma muito sólida, no que tange ao estabelecimento de fundamentos para a temática explorada.

Por ter uma pegada “sci-fi” e envolver a exploração de um planeta alienígena, o jogo já consegue chamar a atenção de fãs de jogos de sobrevivência e exploração no espaço.

Ademais, observando aquilo que já foi apresentado, os cenários do game parecem fazer jus à premissa e têm tudo para garantir um alto nível de imersão, sem contar que uma atmosfera “pesada” e sombria já pôde ser verificada e isso pode gerar maior tensão durante a jogatina.

Por reforçar bastante os seus elementos de RPG, a premissa também é fortalecida, já que os diálogos e as missões têm um enorme potencial para “puxar o player” para dentro da trama.

Em suma, no que tange às suas ideias fundamentais e à forma como essas ideias impactam na construção do mundo, Outriders já merece muitos elogios.

Outriders

Shooter com Elementos de RPG

Desde o primeiro anúncio, os desenvolvedores de Outriders têm se esforçado bastante para destacar que o jogo tem a intensidade de um shooter e a profundidade de um jogo de RPG. E isso, claro, acaba sendo uma ótima notícia para os fãs dos jogos desses dois universos.

Segundo as descrições, trailer e relatos, as mecânicas de combate do game serão capazes de proporcionar tiroteios frenéticos e conflitos marcados pela utilização de poderes especiais devastadores. Para quem curte jogos de ação, essa informação soa como “música para os ouvidos”.

Porém, ao mesmo tempo, já se sabe que o jogo contará com quatro classes distintas de personagens e muitas opções para que o desenvolvimento dos heróis aconteça de acordo com os estilos dos seus controladores.

Nesse sentido, o destaque vai para as árvores de habilidades e para o impacto dos equipamentos na qualidades dos personagens. Cabe destacar que a ideia de progressão por loot tem estado em alta e será aplicada ao vindouro Godfall também.

Para completar, o título ainda será marcado por apresentar muitos NPCs e diálogos variados, dando ainda mais força ao “lado RPG” do game.

No que diz respeito a esses destaques, tudo indica que Outriders será realmente uma experiência híbrida, capaz de garantir uma boa dose de adrenalina e a profunda imersão que encontramos em grandes jogos de RPG.

Gameplay Cooperativo

Outro grande destaque que Outriders já apresentou é o seu gameplay cooperativo. Pois é! Apesar de as construções do jogo sugerirem que a aventura é perfeita para uma experiência single-player, o fato é que até três jogadores poderão aproveitar a jornada e completar o game.

Observando a aventura sob essa ótica, poderíamos compará-la com o surpreendente Remnant: From The Ashes, que foi um dos presentes gratuitos da Epic Games Store não faz muito tempo e traz um co-op bastante dinâmico e desafiador.

Ainda não se sabe se, assim como Remnant, Outriders terá sua dificuldade ajustada em função do número de players jogando o game, mas tudo indica que essa ideia será aplicada.

Além do mais, o cooperativo acontecerá no melhor esquema “drop-in-drop-out”, ou seja, os “players secundários” poderão entrar e sair do jogo, sem atrapalhar a evolução do “player primário”. Obviamente, em um título com tantos elementos de RPG e uma bela história a ser acompanhada, esse detalhe faz toda a diferença.

Então, para quem gosta de grandes tiroteios e de uma jogatina com os amigos o co-op promete ser um grande atrativo.

Outriders: o que podemos esperar?

Após analisar cada um dos destaques apresentados acima, fica fácil perceber que Outriders não será o título mais original do mundo, mas sua premissa e a profundidade prometida para o “lado RPG do game” tendem a deixar a experiência bastante atrativa para diversos tipos de players.

Para quem curte jogos com uma pegada “sci-fi”, a ambientação também será um aspecto que merece atenção e, claro, a ideia de poder dividir a jornada e suas emoções com os amigos sempre conta pontos.

Assim sendo, o que podemos esperar de Outriders é um gameplay que combina a intensidade dos shooters com a profundidade dos jogos de RPG, oferecendo aos players uma experiência movimentada, com pontos bastante personalizáveis e uma trama que aglutina todos os elementos com muita coerência.

Vale destacar, mais uma vez, que Outriders está previsto para ser lançado no fim de 2020 e será disponibilizado para PS4, PS5, Xbox One, Xbox Series X | S, Google Stadia e PC. Portanto, se você quiser experimentar essa jornada, vale a pena ficar de olho nas novidades, já que uma data de lançamento mais específica pode ser apresentada em breve. Até mais…

Deixe seu comentário!