Jogos de Estratégia: 22 Conflitos Épicos para Grandes Players/Generais

Mesmo apresentando algumas variações estruturais, é inegável que os muitos jogos de estratégia existentes no mundo dos games acabam se apresentando como conflitos épicos, que exigem dos players/generais muita atenção e táticas extremamente criativas.

Na verdade, é esse desafio aos nossos cérebros que faz com que os jogos desse tipo continuem sendo tão atrativos. O gênero estratégia é um dos mais antigos do mundo dos games, mas nunca deixa de surpreender, com premissas originais e mecânicas diferenciadas.

Aliás, foi em reconhecimento à grandeza dos jogos de estratégia que eu resolvi criar este post. Como irá notar, separei aqui 22 títulos relativamente recentes, que mostram como o gênero, após tantos anos, continua oferecendo motivos de sobra para os jogadores embarcarem em grandes odisseias… vamos conferir?

Desperados III

Jogos de Estratégia

Para abrir esta lista de jogos de estratégia, decidi apostar em um dos melhores jogos lançados em 2020, Desperados III. E não, não é exagero algum colocar o título entre os melhores do ano. Afinal, o game consegue oferecer uma experiência narrativa impecável, sem deixar de inovar, em relação ao gameplay.

Desperados III pertence a uma franquia cujas histórias se passam em uma versão muito brutal do Velho Oeste. Nesse caso, tanto a trama quanto o ambiente não perdoam os players que negligenciam a necessidade de pensar muito bem antes de agir. Entrar nas batalhas do game, sem um plano, pode gerar as mesmas frustrações que um Souls-Like costuma gerar.

Shadow Tactics: Blades of the Shogun

Dentre os jogos de estratégia lançados nos últimos anos, Shadow Tactics: Blades of the Shogun, de 2016, é um dos meus favoritos. E esse favoritismo está ligado à ambientação do game (que se passa durante o período Edo, do Japão) e à forma como as habilidades de cada personagem podem gerar diversas táticas.

Como não estamos falando de um jogo tão recente assim, Shadow Tactics: Blades of the Shogun já foi um dos presentes da Epic Games Store. E isso, claro, deu a muitos players a chance de comandar um time de especialistas ao longo de missões extremamente complicadas. Muito bom!

Bad North

Falemos agora de Bad North, um dos muitos jogos indie que conseguiram trazer maior dinamismo para o mundo dos jogos de estratégia. O título foi lançado em 2018 e conseguiu chamar muita atenção por conta do seu visual impecável e do seu alto nível de dificuldade.

Bad North é um daqueles games que punem quem subestima a aventura, por conta dos “gráficos bonitinhos”. O jogo exige estratégias arrojadas para que as hordas de vikings possam ser repelidas e os habitantes das minúsculas ilhas possam sobreviver. Enfim, um jogo muito divertido e desafiador.

Northgard

Jogos de Estratégia

Já que falei em vikings, nada mais justo do que citar o incrível Northgard. Esse título foi lançado em 2018 e dá aos players o comando sobre clãs vikings, que desejam se assentar em um continente misterioso e nada amigável com os povos de outras terras.

Essencialmente, Northgard segue uma linha mais clássica, que remete a grandes lendas do gênero. Ainda assim, o game oferece uma ótima narrativa e sistemas “in-game” que conseguem manter os players ocupados e “presos” à aventura por um bom tempo. Bela opção.

Age of Empires III: Definitive Edition

Apesar de ser um versão de um grande clássico, Age of Empires III: Definitive Edition (que ainda vai ser lançado) merece um lugar nesta lista por ter ajudado a colocar os jogos de estratégia em muitas listas de favoritos. Juntamente com Civilization, o game foi a inspiração de muitos projetos recentes.

Em Age of Empires III: Definitive Edition, os players encontrarão versões otimizadas de todas as construções exibidas pelo título original (de 2005) e poderão se divertir com uma boa dose de conteúdo inédito. Então, para quem gosta de um desafio com “ar retrô”, vale a pena conferir.

Sid Meier’s Civilization VI

Jogos de Estratégia

Ainda no “terreno dos clássicos”, temos Sid Meier’s Civilization VI, que é o título mais recente de uma das franquias mais importantes do gênero. Lançado em 2016, esse game ainda recebe atualizações vez ou outra e chegou a entrar na moda dos jogos Battle Royale não faz muito tempo.

Em Sid Meier’s Civilization VI, podemos verificar todas as clássicas mecânicas da franquia, em seu estágio mais avançado. O game oferece muitas civilizações e opções que, nas mãos dos melhores estrategistas, podem garantir o desenvolvimento de grandes potências.

Endless Legend

Após passar por alguns clássicos, nossa lista “estaciona” em um game que pertence a um dos muitos subgêneros existentes no segmento dos jogos de estratégia. Nesse caso, estou falando de Endless Legend, que é um jogo de estratégia do tipo 4X e oferece a jogabilidade “mais profunda e complexa” que esse tipo de jogo costuma apresentar.

Endless Legend se passa em um enorme mundo fantasioso, no qual uma grande quantidade de raças lutam para dominar tudo, seja por meio da diplomacia ou da força. Por conta da sua premissa, o game exibe cenários belíssimos e se apresenta como uma opção muito boa para os estrategistas mais pacientes.

Shadowrun: Dragonfall

Jogos de Estratégia

Indo para uma perspectiva menos abrangente, apresento agora o excelente  Shadowrun: Dragonfall, de 2014. Para quem gosta de jogos cyberpunk, esse é um título praticamente obrigatório, já que se trata de um dos maiores expoentes desse gênero, dentro do mundo dos games.

Shadowrun: Dragonfall oferece uma história bastante envolvente e se posiciona como um jogo de estratégia mais focado em conflitos de menor proporção. O game tem muitos elementos oriundos de jogos de RPG e, com toda a certeza, é capaz de “prender” os players do início ao fim.

Kingdom Rush

Jogos de Estratégia

Trazendo “leveza” para esta lista de jogos de estratégia, temos Kingdom Rush, de 2014. Apesar do visual simples e das construções com um estilo um tanto quanto infantil, esse game reúne elementos de jogos de estratégia e do gênero Tower Defense, proporcionando uma experiência bem diferenciada.

Como Kingdom Rush é um título gratuito e também está disponível entre os jogos de celular, o título se tornou um grande sucesso, conquistando muitos adeptos e reviews positivos. E não é sem motivos, as disputas do game são muito divertidas. Não deixe de conferir!

Scythe: Digital Edition

Jogos de Estratégia

Jogos de tabuleiro sempre são citados como os principais precursores dos jogos de estratégia do mundo digital. Por conta disso, eu não poderia deixar de incluir a versão digital do lendário Scythe nesta lista, não é mesmo? E o melhor é que Scythe: Digital Edition, de 2018, é um verdadeiro espetáculo.

A história do game se passa em uma versão alternativa da Europa dos anos 1920, na qual as “nações vencedoras” da Primeira Guerra Mundial resolvem reiniciar os confrontos, com o intuito de assumir o controle sobre uma “fábrica” de poderes surreais. Para quem gosta de jogos de tabuleiro, esse título não pode “passar em branco”.

Iron Harvest

Aproveitando que citei o lendário Scythe, decidi fechar a primeira metade desta lista com o grande Iron Harvest, que foi inspirado no referido jogo de tabuleiro. Lançado em 2020, esse título já recebeu um tratamento especial aqui no site da V7 Games e, por isso, não poderia ficar de fora desta seleção.

Em linhas gerais, Iron Harvest, assim como Scythe, se passa em uma versão alternativa dos anos 1920. O game apresenta mecânicas que remetem ao clássico Command & Conquer e se destaca pela presença de belos mechas como unidades de batalha. Excelente!

Crusader Kings III

Jogos de Estratégia

Para abrir a segunda metade desta lista de jogos de estratégia, decidi apostar em outro título que foi lançado em 2020, ou seja, Crusader Kings III. Esse título merece destaque por oferecer uma experiência que vai além do gênero estratégia, exibindo aspectos de jogos de simulação e um conteúdo bem maduro.

Crusader Kings III também se apresenta como uma opção capaz de ser classificada no subgênero Grande Estratégia, que trata de apresentar uma visão “mais macro” dos conflitos. O jogo vem acumulando reviews positivos e surpreendendo, com altos números de vendas. Vale a pena dar uma olhada!

Urtuk: The Desolation

No passado, muitos jogos de estratégia baseados em jogos de tabuleiro faziam uso das estruturas de hexágonos para subdividir os mapas, como se eles fossem um grande tabuleiro de xadrez. Nesse caso, apresento Urtuk: The Desolation, que fez a sua estreia em 2020 (ainda em Early Access) e apresenta os nostálgicos hexágonos em suas construções.

Apesar do formato, que já caiu em desuso, Urtuk: The Desolation conta com muitos elementos de jogos de RPG e encanta com o seu visual sombrio e alguns detalhes que remetem aos jogos Auto Chess. Em síntese, essa é uma bela alternativa para quem gosta de “experiências à moda antiga”.

Into The Breach

Jogos de Estratégia

“Caindo” no mundo indie mais uma vez, nos deparamos com o diferenciado Into The Breach, de 2018. Com uma pegada sci-fi, uma bela trama e construções retrô em pixel art, o título é uma das produções mais criativas que foram lançadas entre os jogos de estratégia nos últimos anos.

Assim como Bad North (que já citei na lista), Into The Breach coloca os players em mapas bem pequenos, o que exige muito raciocínio rápido e acaba desafiando os cérebros dos estrategistas de plantão. Ademais, as mecânicas do gameplay são bem divertidas e dinâmicas. Muito criativo!

Total War: Three Kingdoms

Já faz um bom tempo que a franquia Total War tem despontado como uma das mais importantes entre os jogos de estratégia. Devido a isso, resolvi incluir nesta lista o impecável Total War: Three Kingdoms (de 2019), que é um dos maiores sucessos da série e aquele que exibe os maiores atrativos.

Total War: Three Kingdoms foca na história chinesa dos Três Reinos e aproveita todo o apelo dessa lenda para criar um cenário épico. O jogo apresenta a narrativa de uma forma muito envolvente e suas mecânicas exibem um nível de refinamento que nenhum outro jogo da série conseguiu apresentar.

Mutant Year Zero: Road to Eden

Outro título que não pode faltar em uma lista de jogos de estratégia é Mutant Year Zero: Road to Eden. Lançado em 2018, o jogo apresenta uma narrativa que, facilmente, o colocaria nas listas de jogos que viraram filmes. A ambientação é incrível e o gameplay é um espetáculo à parte.

Para você ter uma ideia, Mutant Year Zero: Road to Eden é uma criação de desenvolvedores que criaram grandes jogos de ação, como Hitman e Payday. E sim, essas referências dão à aventura um ar diferenciado. Para quem busca uma dose de adrenalina adicional para intensificar o desafio, esse é o título certo.

Invisible, Inc.

Jogos de Estratégia

Visualizar elementos de furtividade sendo aplicados a jogos de estratégia não seria algo muito simples, se os desenvolvedores de Invisible, Inc. não tivessem apostado em suas ideias arrojadas. Esse título de 2015 foca em conflitos de proporções menores, mas é uma das opções mais criativas e desafiadoras desta lista.

Invisible, Inc. conta com gráficos desenhados, que até possuem um estilo muito bonito, mas se destaca realmente pelo gameplay. Nessa aventura, os players assumem o papel de uma equipe de agentes especializados em invadir ambientes de alta segurança. Observando essa premissa, fica claro que o jogo é desafiador, não acha?

This Is The Police II

This Is The Police II, de 2018, é mais um projeto que esbanja criatividade a apresenta uma abordagem diferenciada, em relação ao padrão da maioria dos jogos de estratégia. O título também foca em conflitos policiais de menor proporção, mas tem uma narrativa muito bem desenvolvida.

Na verdade, a história é contada de uma forma tão atrativa que, se não fosse o alto nível de interação, This Is The Police II poderia ser classificado como uma Visual Novel. Nessa aventura, você é o comandante de uma equipe de policiais e tem a função de manter a ordem. Vai encarar?

They Are Billions

Jogos de Estratégia

Quem curte a estética e as ideias do gênero steampunk e gosta de jogos de estratégia que apresentam elementos de jogos de sobrevivência, They Are Billions, de 2019, pode ser a melhor opção para saciar a sua “fome” de grandes conflitos.

Ao longo da aventura, os players devem assumir o comando de uma colônia e defendê-la das investidas de hordas de zumbis. They Are Billions é um dos poucos jogos que conseguiram abordar a temática do apocalipse de uma forma inteligente e sem clichês. Ademais, o jogo é muito bonito!

Frostpunk

Jogos de Estratégia

Lançado em 2018, Frostpunk ostenta o título de ser o primeiro jogo de sobrevivência em sociedade. Por mais complexa que possa parecer essa ideia, temos aqui um game que reúne elementos de muitos gêneros e oferece uma experiência extremamente imersiva.

No comando da última cidade da Terra, os players devem traçar estratégias para superar a implacável força da natureza. As decisões tomadas têm impacto direto sobre os desfechos da história do e, por isso, esse é um título indicado apenas para os melhores “generais”.

Wasteland 3

Surgindo como a sequência de um game aclamado pela crítica, Wasteland 3 é outro jogo que aposta em um cenário pós-apocalíptico para aumentar o nível do desafio. Dotado de mecânicas muito criativas, essa opção ainda se destaca pela sua história bem elaborada.

Criado com base em uma sólida fundação de elementos de RPG, Wasteland 3 é o mais tático dos jogos desta lista e um verdadeiro desafio para os estrategistas de plantão. O game foi lançado em 2020 e já é um dos grandes games do Xbox Game Pass para PC e para consoles.

Command & Conquer Remastered Collection

Para arrematar esta lista de jogos de estratégia da melhor forma possível, deixei para o final uma coletânea com versões remasterizadas de dois ícones do gênero. Sim, a Command & Conquer Remastered Collection (de 2020) conta com versões repaginadas do primeiro Command & Conquer e do lendário Command & Conquer: Red Alert.

Esses dois títulos são referências para muitos dos jogos que foram apresentados nesta lista e, certamente, merecem ser explorados (ainda mais com gráficos em 4K). A Command & Conquer Remastered Collection é uma oportunidade de ouro para comandar exércitos em conflitos armados de proporções catastróficas.

Jogos de Estratégia: um segmento cheio de grandes títulos!

Quando olhamos bem para cada um dos 22 títulos apresentados nesta lista, fica claro que o gênero Estratégia é um daqueles que mais possuem belos jogos “por metro quadrado”. Sim! Basta dar uma olhada nas opções para encontrar belas premissas, narrativas impecáveis, cenários magníficos e muitos mais…

E o mais interessante é que esta lista poderia ter o dobro do tamanho e não perderia nada, em termos de qualidade. Isso mesmo! Sobram opções para os players/generais mudarem o rumo de conflitos épicos.

Portanto, espero que esta lista de jogos de estratégia tenha lhe dado boas opções para desbravar. E, claro, se você tiver outras indicações a fazer, fique à vontade para deixar as suas sugestões no campo dos comentários. Até mais…

Deixe seu comentário!