13 Jogos Clássicos que ficaram “perdidos no passado”!

Quando olhamos para o passado do mundo do games, verificamos que alguns jogos clássicos, que marcaram os “currículos” de muitos players, acabaram ficando “presos” ao passado e, há muitos anos, não apresentam novidades para embalar novas horas de jogatina.

E, infelizmente, a quantidade de jogos que seguem essa regra é enorme, mesmo em uma época na qual remakes e remasters vêm sendo explorados de forma intensa. Desse modo, tudo o que nos resta é relembrar e torcer para que alguma desenvolvedora caridosa resolva promover um “revival”.

Sendo assim, resolvi criar este post para apresentar 13 jogos clássicos que não apresentam novidades há muitos anos e que poderiam “voltar”, aproveitando a “onda dos Remakes e Remasters”. Em outras palavras, é aqui que você encontrará algumas lembranças bem preciosas… vamos conferir?

Cadillacs and Dinosaurs

Jogos Clássicos

Para abrir a minha lista de jogos clássicos que ficaram perdidos no passado, meu eleito é uma lenda dos fliperamas, conhecida como Cadillacs and Dinosaurs. O título foi lançado em 1993, brilhou no Super Nintendo e nos Arcades e ficou preso à década de 1990.

Segundo as informações, a grande dificuldade para o retorno do game guarda relação com um impasse entre a marca Cadillac e a Capcom. Como se trata de uma questão que envolve muito dinheiro e direitos autorais, é provável que essa lenda do gênero Beat ‘em up jamais “volte à vida”. É uma pena!

Dino Crisis

Como a Capcom tem sido uma das empresas mais destacadas, no que tange à criação de Remakes, muitas das IPs da desenvolvedora japonesa vêm sendo indicadas pelos fãs para um “retorno”. Nesse sentido, um dos nomes mais comentados é Dino Crisis, uma franquia que não traz nada de novo desde 2003.

Na verdade, se considerarmos que Dino Crisis 3 foi um péssimo jogo, podemos dizer que Dino Crisis sequer passou do ano 2000. De todo modo, essa franquia, que coloca os players em tramas envolvendo dinossauros, ilhas e laboratórios, marcou a vida de muitos players e merece ser “resgatada do passado”.

Bloody Roar

Para quem curte jogos de luta, o nome Bloody Roar consegue despertar algumas memórias bem nostálgicas. Essa série teve uma vida curta (1997 a 2003), mas conseguiu deixar as suas marcas, especialmente por conta da singular mecânica de transformação em feras humanoides muito poderosas.

Bloody Roar surgiu em uma época na qual poucos jogos de luta 3D eram realmente bons e isso fez o primeiro título se destacar bastante. Todavia, após a aquisição da Hudson Soft pela Konami, a história foi interrompida e o jogo foi “largado no passado”, junto com outras pérolas.

Vigilante 8

Jogos Clássicos

Falando em grandes pérolas do passado, eu não poderia deixar de citar o lendário Vigilante 8 (1998) e sua sequência, Vigilante 8: Second Offense (1999). Juntamente com a franquia Twisted Metal, esses jogos se posicionaram como os grandes precursores dos jogos de tiro com carros.

Muita gente não sabe, mas Vigilante 8 foi baseado em eventos reais, que aconteceram na década de 1970, quando os Estados Unidos quase entraram em um colapso econômico. Certamente, essa lenda ainda é lembrada por muitos fãs e nem mesmo Vigilante 8 Arcade (um remake de 2008) conseguiu “matar a saudade”.

Sunset Riders

Voltando ainda mais no passado, temos outro game inesquecível, ou seja, o lendário Sunset Riders. Lançado em 1991, o jogo marcou a vida dos players nos arcades, no Super Nintendo e no Mega Drive e pode ser considerado como a primeira grande aventura no Velho Oeste a surgir no mundo dos games.

Sunset Riders sempre chamou a atenção por seus tiroteios intensos e pela forma como, mesmo com construções 2D, toda a ambientação conseguia ser imersiva. Com toda a certeza, essa é uma franquia da Konami que precisa ser revisitada. Não à toa, existe um projeto fan-made sendo criado atualmente.

Terranigma

Jogos Clássicos

Dentre todos os títulos desta lista de jogos clássicos, Terranigma é o menos conhecido, mas um dos que mais merecem ser resgatados do passado. O título foi lançado em 1995, para o Super Nintendo, e só pôde ser aproveitado pelos players do Ocidente, graças a uma versão europeia muito rara.

Em linhas gerais, Terranigma segue a linha de alguns jogos de RPG da época, como The Legend of Zelda e Secret of Mana. Entretanto, o jogo merece ser enaltecido por apresentar uma trama madura, que incita muitas reflexões. Muita gente pode ter “deixado esse clássico passar”, mas trata-se de uma verdadeira obra-prima.

The Legend of Dragoon

No ponto médio desta lista de jogos clássicos, temos The Legend of Dragoon, de 1999. Esse game tem uma história curiosa, já que ele foi lançado em uma época na qual a competição era voraz entre os RPGs e acabou não sendo um grande sucesso.

Daí, anos depois, o título passou a ser venerado como um grande clássico cult e muitos players começaram a sonhar com um retorno do game. Aliás, em dado momento, a Bluepoint Games, que foca na criação de remakes e remasters, deu a entender que um remake de The Legend of Dragoon seria uma boa ideia. Obviamente, a declaração fez muita gente sonhar com essa possibilidade.

Captain Commando

Jogos Clássicos

Abrindo a segunda metade da lista, Captain Commando surge como mais uma lenda do gênero Beat ‘em up que ficou presa à década de 1990. O título foi lançado em 1991 e conseguiu se destacar por seu gameplay divertido e por ser uma opção perfeita para os fãs dos famosos “jogos para dois”.

Outro grande destaque do jogo é o seu grupo de personagens. Os heróis caricatos e improváveis conseguiram cativar os jogadores e se posicionaram como figuras marcantes do mundo dos games. Como Battletoads e Streets of Rage retornaram recentemente, sonhar com um novo Captain Commando não é nenhum exagero.

Parasite Eve

Esta lista “estaciona” agora em uma franquia clássica que até chegou a ganhar um jogo em um passado não muito distante, mas deixou muitas saudades. Sim, estou falando de Parasite Eve, que marcou época no PS1, com dois grandes títulos (lançados em 1998 e 1999) e ganhou um terceiro game, que não apresentou o nome da franquia (The 3rd Birthday).

De certo modo, podemos dizer que Parasite Eve foi uma resposta da Square Enix (na época Squaresoft) à grande força que o gênero Survival Horror ganhou no fim da década de 1990. A franquia tem uma pegada sci-fi sombria e uma protagonista (Aya Brea) que rapidamente ganhou o status de ícone dos games.

Darkstalkers

Jogos Clássicos

Focando em jogos de luta mais uma vez, cito agora a lendária franquia Darkstalkers, cuja história teve início em 1994 e acabou em 1997. Nesse caso, destaco que alguns títulos até foram lançados no Japão, mas eles foram apenas coletâneas e spin-offs da trilogia original.

Se houvesse uma briga pelo título de melhor jogo de luta da história, os jogos da franquia Darkstalkers estariam no páreo. E não, não estou exagerando. O gameplay movimentado e os personagens marcantes fizeram esse game se transformar em uma lenda que ainda deixa muitos fãs com saudades.

Legacy of Kain

Jogos Clássicos

A franquia Legacy of Kain é mais uma lenda que costuma ser lembrada com muito carinho pelos players. Com seus cinco jogos incríveis, lançados entre 1996 e 2003, essa série de jogos de aventura, com elementos de RPG, conseguiu conquistar muitos seguidores e conta com duas tentativas de retorno que foram frustradas.

No caso de Legacy of Kain, o que faz a saudade aumentar de forma considerável é o fato de as histórias dos games da série serem interligadas e o último dos finais ter deixado muitas pontas soltas. Isto é, os players ainda sonham com a chance de saber o que aconteceu com os icônicos Kain e Raziel.

Tenchu

Em 2019, o épico Sekiro: Shadows Die Twice foi eleito o melhor jogo do ano, na cerimônia do The Game Awards. E todo esse sucesso acabou mascarando o fato de que a ideia inicial da From Software era criar um novo jogo para a lendária franquia Tenchu.

Isso mesmo! A criadora dos jogos que impulsionaram o gênero Souls-Like é a detentora dos direitos da icônica franquia Tenchu, cujo último título foi lançado em 2007. Por conta disso, é possível que o retorno dessa lenda seja um dos mais prováveis, dentre as opções apresentadas na lista.

Vagrant Story

Jogos Clássicos

Para fechar a minha seleção de jogos clássicos, escolhi aquele título que é chamado por muitos de “o último grande jogo do PlayStation One”. Vagrant Story foi lançado no ano 2000, trazendo inovações que o fizeram ser apontado como um J-RPG único.

Cabe ressaltar que Vagrant Story tem ideias tão interessantes que, mesmo sendo um título com 20 anos, ainda é uma opção capaz de embalar uma jogatina de alto nível. No entanto, por mais que o jogo tenha “envelhecido bem”, tenho certeza de que o sonho de um remake está nas mentes e corações dos fãs. Épico!

E ainda há outros Jogos Clássicos esperando por um “resgate”!

Com esta sequência nostálgica, na qual eu me dediquei a promover um “revival” emocionante, espero ter deixado claro que a minha intenção foi destacar que há muitos jogos clássicos perdidos no passado, aguardando para serem revisitados.

Como não poderia deixar de ser, minha seleção de jogos clássicos foi apenas uma “pincelada superficial” em um baú cheio de tesouros. Por esse motivo, convido você a citar outras lendas que marcaram época (basta fazer bom uso do campo dos comentários). Até mais…

Deixe seu comentário!