Souls-Like: entenda o “Gênero dos Desafios” com 16 Belos Exemplos!

Assim como acontece com o gênero Metroidvania, o gênero Souls-Like diz respeito a um tipo de jogo que segue os padrões definidos por certas lendas do mundo dos games. Nesse caso, as lendas às quais o gênero se refere são os jogos da série Souls, criados pela From Software.

Em outras palavras, foi graças às mecânicas peculiares dessa série (e ao sucesso alcançado por ela), que esse novo tipo de jogo acabou chamando a atenção dos players e motivando muitos desenvolvedores a apostarem em estruturas semelhantes.

Sabendo disso e observando a crescente popularidade dos chamados jogos Souls-Like, resolvi criar este post para falar um pouco mais sobre o gênero e apresentar alguns exemplos notáveis, para quem já curte ou deseja começar a explorar esse tipo de aventura… vamos conferir?

Souls-Like

Souls-Like: um breve resumo!

De uma forma bem simples e objetiva, podemos definir o conceito básico de um jogo do tipo Souls-Like apenas analisando o nome que foi dado ao gênero.

Isto é, entendendo que o termo “Like” pode ser traduzido como “semelhante”, fica fácil chegar à conclusão de que temos aqui jogos semelhantes aos Souls.

Nesse caso, como eu já destaquei, os Souls são os títulos criados pela From Software. Mais precisamente, Demon’s Souls e a inesquecível trilogia Dark Souls.

Portanto, os jogos Souls-Like são, em síntese, todos os títulos que guardam algum tipo de semelhança com os games citados acima.

E, claro, se fôssemos apontar alguns aspectos definidores desse tipo de jogo, teríamos, o alto nível de dificuldade, a perda de algo importante junto com a morte (e a chance de recuperar no futuro) e uma movimentação intensa, cujo objetivo é garantir a sobrevivência.

Em outras palavras, temos sempre chefões que causam enorme dano, alto nível de dificuldade, punição com a morte, movimentação intensa… enfim, esses aspectos compõem a base daquilo que conhecemos como Souls-Like.

Vale destacar que os jogos desse tipo não precisam, obrigatoriamente, se passar em cenários medievais, ou seja, se os games apresentarem as características elencadas acima, não importa qual seja a premissa ou o cenário.

Exemplos de belos jogos Souls-Like

Agora que você já tem uma noção de como funciona o gênero Souls-Like, podemos começar a falar sobre alguns exemplos. Nesse caso, destaco que não incluí os jogos da From Software (criadora da série Souls), pois quis mostrar como as ideias dessa desenvolvedora influenciaram o mundo dos games.

De todo modo, Bloodborne e Sekiro: Shadows Die Twice são Souls-Like incríveis e, por isso, merecem uma menção honrosa. Falemos agora de outros grandes exemplos…

Mortal Shell

Souls-Like

Abrindo a minha lista de exemplos de jogos Souls-Like, temos Mortal Shell. Decidi começar por esse título, pois ele é a mais recente tentativa (até o momento) de igualar o padrão de qualidade alcançado por Demon’s Souls e Dark Souls. Esse game de 2020 é um candidato ao cargo de “sucessor espiritual” desses games.

Sem qualquer intenção de esconder a inspiração nos títulos da From Software, Mortal Shell tem uma ambientação sombria e apresenta algumas inovações aqui e ali, o que o torna uma experiência bastante atrativa para os fãs do gênero. Então, vale a pena apostar na aventura.

Samurai Jack: Battle Through Time

Souls-Like

Outro título que “acabou de sair do forno” e merece destaque nesta pequena lista é Samurai Jack: Battle Through Time. Lançado em 2020, o game prova que um Souls-Like não precisa ter construções sombrias ou realistas e exibe um gameplay repleto de características desse gênero tão desafiador.

Como os fãs do Samurai Jack bem sabem, o desenho possui um ar bem infantil, mas está longe de ser uma produção para crianças. E essa ideia foi trabalhada em Samurai Jack: Battle Through Time com muita qualidade. Logo, se você observar os gráficos e pensar que se trata de um jogo de criança, esse engano não sairá sem punição ao longo da aventura.

Nioh

Quando foi lançado, em 2017, Nioh foi rapidamente comparado a Dark Souls pela crítica especializada. Por ser um produto de origem japonesa e por fazer bom uso de muitas das ideias dos títulos da From Software, a comparação acabou sendo inevitável e, até certo ponto, bastante justa.

Todavia, em momento algum Nioh se limitou a ser uma mera cópia. Na verdade, não podemos deixar de enaltecer a clara intenção de inovar, que é verificada em muitas das belas construções do jogo. Ademais, a temática e toda a ideia da narrativa são um espetáculo à parte. E sim, Nioh 2, de 2020, também é ótimo!

Ashen

Souls-Like

Dotado de um estilo visual bem peculiar, Ashen, de 2019, é um RPG cooperativo que apresenta um alto nível de fidelidade às construções típicas dos jogos Souls-Like. Os combates apresentam muitas nuances da série Souls, mas o título não é uma “mera cópia”.

Pelo contrário, Ashen consegue adicionar elementos que aumentam o fascínio pela exploração e aspectos que o colocam como um dos bons jogos de sobrevivência que surgiram nos últimos tempos. Resumindo, é um ótimo jogo para quem deseja viver uma grande aventura.

STAR WARS Jedi: Fallen Order

Souls-Like

Falando em grandes aventuras, STAR WARS Jedi: Fallen Order, de 2019, é aquele tipo de opção que sempre garante boas doses de emoção e conflitos épicos. Apesar de estar situado no universo sci-fi de STAR WARS, o game é um dos que melhor souberam adaptar as ideias da franquia Souls.

STAR WARS Jedi: Fallen Order promove uma grande história e consegue arrebatar qualquer fã de jogos Souls-Like, com os seus combates desafiadores e seus chefões perigosos. Para completar, os duelos ainda têm um grande apelo nostálgico. Afinal, quem nunca sonhou em empunhar um sabre de luz? Grande jogo!

OmniFootman

Mesmo exibindo construções “simpáticas”, no melhor estilo lowpoly, OmniFootman, de 2019, é aquele tipo de jogo que não precisa ser experimentado por muito tempo para que você perceba a influência dos jogos da série Souls.

OmniFootman coloca os players no controle de um cavaleiro que nos faz lembrar do grande Arthur, de Ghouls’n Ghosts, e consegue surpreender por seu alto nível de dificuldade. O sistema de combates segue uma linha típica dos jogos Souls-Like e a morte permanente é sempre frustrante. Ótimo jogo!

Hellpoint

Souls-Like

Lançado em 2020, Hellpoint é um título que aplica os conceitos da série souls dentro de ambientes de estilo sci-fi. Aliás, é importante ressaltar que, mesmo apresentando cenários futuristas, o game consegue criar um clima bastante sombrio, o que acaba fazendo a jornada ter uma poderoso “ar de Dark Souls”.

Dentre os seus principais destaques, Hellpoint merece ser enaltecido pelos combates desafiadores, pela ambientação e por passagens dignas de grandes jogos de terror. Para você ter uma ideia, alguns críticos chegaram a dizer que Hellpoint seria Dark Souls, se o jogo da From Software se passasse no espaço. Interessante, não acha?

Salt and Sanctuary

Souls-Like

Para fechar a primeira metade desta lista de exemplos, meu eleito é Salt and Sanctuary, o jogo que é apontado por muitos como o “Dark Souls 2D”. Destaque entre os jogos indie lançados em 2016, esse game é um dos meus favoritos, em todos os tempos (sério!).

Por mais que eu tenha morrido inúmeras vezes no início, percebi que esse título consegue desafiar o players de uma forma incrível, com seus chefões e suas armadilhas. Além disso, alguns elementos típicos de jogos Metroidvania fazem parte do “pacote” de Salt and Sanctuary, o que o torna uma experiência obrigatória!

Code Vein

Dando início à segunda metade desta lista, temos Code Vein, um título que, em termos de visual, remete a um belo JRPG, mas, no que diz respeito à jogatina, carrega uma boa série de elementos inspirados na série Souls. E mais, a ambientação e a premissa do game são grandes chamarizes.

Lançado em 2019, o game conta com um gameplay bem movimentado e incríveis opções para promover a customização dos personagens. Além do mais, os elementos de RPG presentes nas ideias fundamentais do jogo acabam promovendo uma experiência bastante imersiva. Bela opção!

Outward

Como a minha lista acabou pendendo para o lado dos jogos de RPG, resolvi incluir aqui o grandioso Outward, de 2019. Esse game reúne uma série de aspectos oriundos de diversos gêneros e, claro, não esconde que uma das suas principais inspirações é a série Souls.

O que me encanta em Outward é o fato de os personagens controlados pelos players serem seres humanos normais, enfrentando males inimagináveis e a dureza de certos biomas. Com isso, a jornada se torna bastante desafiadora e, ao mesmo tempo, extremamente imersiva.

Little Witch Nobeta

Souls-Like

Para criar um “leve polêmica”, nossa lista estaciona agora no surpreendente Little Witch Nobeta, de 2020 (ainda em Early Access). Por mais que essa aventura seja protagonizada por uma personagem “fofinha” e tenha um ar “juvenil”, o nível de desafio é enorme e a trama consegue envolver qualquer um.

Little Witch Nobeta também merece ser enaltecido por oferecer opções que geram estilos de combate bem versáteis, combinando ataques físicos e magia de um modo bastante original. Em suma, temos aqui um jogo lindo que, não à toa, exibe uma grande quantidade de reviews extremamente positivos.

Curse of The Dead Gods

Revelando-se como mais um exemplo que confirma a versatilidade do gênero Souls-Like, Curse of The Dead Gods, de 2020, é um game que também remete a outra lenda, a franquia Diablo. Pois é! Mesmo ainda estando em acesso antecipado, o título já conseguiu se destacar.

Curse of The Dead Gods é um belo de um RPG de ação, que exibe um estilo visual muito bonito e faz do seu combate a principal evidência da influência dos jogos da série Souls. A aventura é bastante complicada e um simples movimento equivocado por custar muito caro. Não deixe de conferir!

Remnant: From the Ashes

Souls-Like

Sucesso improvável do ano de 2019, Remnant: From the Ashes deve boa parte da sua popularidade aos elementos que foram “emprestados” dos jogos da série Souls. Mesmo com uma pegada “sci-fi”, o jogo tem um ar sombrio e um nível de dificuldade absurdo, que aumenta ainda mais quando o modo “co-op” é explorado.

Recentemente, Remnant: From the Ashes foi um dos presentes gratuitos oferecidos pela Epic Game Store e acabou sendo baixado por milhões de pessoas. Esse resultado é uma prova de que o título é uma opção de alta qualidade e de que o gênero Souls-Like tem muitos adeptos.

The Surge 2

Apresentando-se como mais um exemplo sci-fi a explorar as ideias da série Souls, The Surge 2, de 2019, promove uma jornada intensa, com combates desafiadores. Nesse game, sem movimentação e um domínio total das mecânicas de combate, morrer será algo muito comum.

Outro aspecto que merece ser enaltecido, em relação a The Surge 2, é o fato de o game se encaixar no segmento dos jogos cyberpunk e explorar a estética e as ideias desse gênero de uma forma impecável. Sem dúvidas, esse é um título que merece a sua atenção.

Raindancer

Retornando ao mundo indie, eu não poderia deixar de citar o desafiador Raindancer, de 2019. O game exibe construções que remetem a Salt and Sanctuary (que citei acima), mas se apresenta sob uma perspectiva top-down e consegue encantar pela forma como a história é contada.

Por mais que pareça um game simples, Raindancer é, com toda a certeza, um dos jogos mais desafiadores dentro do gênero, já que certos chefões podem eliminar o seu personagem com um único golpe. O título ainda é uma ótima opção para quem busca pelos famosos “jogos para dois”.

New World

Desde que foi anunciado, o aguardado New World MMO tem se destacado nas listas de desejos dos players. E isso aconteceu, pois o jogo é a maior produção da Amazon Game Studios (até o momento) e as fases de teste e vídeos do gameplay da aventura exibiram fortes elementos de jogos Souls-Like.

Como New World é um MMO, as expectativas estão apontadas para como as mecânicas desse tipo de jogo irão harmonizar com os elementos inspirados na série Souls. O título está prometido para ser lançado em 2021 e, por tudo que exibiu até agora, merece ser acompanhado de perto.

Souls-Like: morrer faz parte da experiência!

Ao longo deste post, você pôde conferir um belo resumo explicando como o gênero Souls-Like funciona e teve acesso a uma lista com grandes exemplos que podem saciar a “sua fome” por esse tipo de jogo.

Caso você jamais tenha experimentado um Souls-Like antes, sugiro que prepare-se para ser desafiado(a). Esse tipo de game revive a sensação de desafio que muitos jogos modernos já não oferecem mais. Portanto, tente dar uma chance a uma das aventuras apresentadas e entenda que morrer faz parte da experiência.

Por fim, gostaria de convidar você a complementar esta lista. Nesse caso, se você tiver algum jogo Souls-Like a indicar, fique à vontade para citá-lo no campo dos comentários. Com isso, todos teremos mais opções a explorar. Até mais…

Deixe seu comentário!